A internet no Brasil em 2018

A internet no Brasil em 2018, a Virtual Net vem fazendo sua parte investindo em equipamentos e treinamento técnico dos seus funcionários para sempre melhor atender seus clientes, estamos cientes que temos muito em que melhorar porem estamos agindo rapto para conseguir atingir nossas metas em 2018. (A internet no Brasil em 2018 ).

O ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, apresentou nesta quinta-feira (26) a pauta da pasta na Câmara dos Deputados. Berzoini citou o programa Banda Larga para Todos como uma das prioridades do governo e divulgou as metas para 2018, que incluem o aumento da velocidade média de conexão à internet para 25 Mb/s e a ampliação da cobertura do 4G para 1.142 cidades.

As metas do governo parecem um tanto ousadas. Segundo o ministro, a velocidade média de acesso à internet no Brasil é de 6,8 Mb/s. Para quadruplicar esse valor, a ideia é levar fibra ótica para 90% dos 5.570 municípios brasileiros e 45% das conexões domésticas. Os dados mais recentes da Anatel mostram que apenas 4,19% das conexões eram por fibra em fevereiro. O xDSL, usado principalmente por Oi e Vivo, ainda lidera, com 54,46%. A internet no Brasil em 2018

Ricardo Berzoini, ministro das Comunicações (Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)

Ricardo Berzoini, ministro das Comunicações (Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil)

Se o Brasil conseguir alcançar a velocidade média de 25 Mb/s em 2018, teremos o que os Estados Unidos consideram hoje o mínimo para uma conexão ser banda larga. A FCC, equivalente norte-americana da Anatel, subiu os requisitos de 4 Mb/s de download e 1 Mb/s de upload para 25 Mb/s de download e 3 Mb/s de upload no início do ano. Não conheço uma definição da Anatel, mas a oferta do Plano Nacional de Banda Larga(PNBL) é de 1 Mb/s por R$ 35.

Além das metas para a banda larga fixa, o Ministério das Comunicações quer melhorar a situação das conexões móveis no país. Atualmente, 3.805 cidades são cobertas com 3G. Até 2018, a meta é elevar esse valor para 4.994 cidades. Em 2019, 100% teriam (finalmente!) cobertura móvel de terceira geração. O governo também pretende aumentar o número de cidades com 4G para 1.142. O 4G da Vivo alcança hoje 141 municípios; a Claro, segunda colocada, aparece em 95. A internet no Brasil em 2018

Como o governo vai conseguir atingir essas metas? Nós ainda não sabemos dos detalhes, mas, nas palavras de Berzoini: “a ideia é a parceria público-privada através de investimentos públicos e do uso de créditos tributários vinculados ao Fistel para que as operadoras, tanto as grandes quanto as médias e os pequenos provedores de internet, possam usar esse instrumento como forma de aderir a esse esforço governamental”. (fonte – https://tecnoblog.net/175790/metas-banda-larga-tv-2018-brasil/ ). A internet no Brasil em 2018